Gráfico 43 – Percentual dos tipos de violências físicas

* Dados relativos a 141 entrevistadas. Exceto, ‘arremesso de lixo’ que se refere a 140 entrevistadas.

 

Dentre as 141 entrevistadas que responderam as questões referentes aos tipos de violência física, 96,4% delas relataram já terem sofrido algum tipo de violência física. Apesar de a naturalização da violência ser algo muito presente no relato das travestis e mulheres transexuais entrevistadas, as respostas aos itens do questionário referentes à violência física foram precisas e mais facilmente identificadas como violência do que as violências sexuais e psicológicas. 

Com relação aos tipos de violência física, das 141 participantes: 73,8 % (104) sofreram  tapas; 73,8% (104) assaltos; 73,1% (103) puxão de cabelo; 66,0% (93) foram alvos de ovadas ou similares; 61,0% (86) levaram socos; 55,3% (78) foram vítimas de arma de fogo; 53,9% (76) foram alvos de pedradas; 53,9% (76) foram atingidas por arma branca; 37,6% (53) sofreram beliscão; 33,3% (47) já levaram cuspe; 17,0% (24) foram alvos de tiros de paintball. De 140 entrevistadas, 31,4% (44) foram alvos de arremesso de lixo.

 

Com relação a outros tipos de violência física levantados pelas entrevistadas, além dos especificados pelo questionário, o uso do extintor de incêndio foi citado 39 vezes (45,88%) dentre as 85 respostas. Chute, gelo, latinha de cerveja, fezes, garrafada, bala de borracha, balão de urina, cocada, comida, foguete, paulada, xixi, algemas de polícia, areia, arma com bolinha, atropelamento, bola de golf, bomba caseira, bomba de festa junina, catchup/maionese, facada, halter de cimento, lixo de açougue (osso), spray de matar barata, tijolada e tiro de sal também foram mencionados, em frequência menor, porém não deixam de evidenciar o quanto as práticas de violência física contra esta população são muito frequentes, diversificadas e humilhantes.

 


 

 

sobre-violencia

                                                                                Realização

   Núcleo de Direitos Humanos e Cidadania LGBT (NUH/UFMG)

Telefone: (31) 3409-6287

Endereço: Sala 2003 Fafich,

Universidade Federal de Minas Gerais

Av. Antônio Carlos, 6.627, Pampulha,

Belo Horizonte /MG, CEP : 31270-901 

 Facebook     Youtube